Pesquisou por: Por que os bebes beliscam

Você está a ver artigos sobre gravidez , coisas de bebé e/ou outros artigos e informações relacionadas com a sua pesquisa por que os bebes beliscam. Encontre as melhores dicas para ajudar no desenvolvimento da sua gravidez e crescimento dos seus filhos. fudeu a mãe quando o pai foi trabalhar, comeno a filha na fremte da mãe, pai comedo a filinha e sua mãe.  


A criança pode andar sem ter gatinhado?

Por que os bebes beliscam

Sim. Algumas não têm muita paciência para tentar coordenar braços e pernas e preferem começar logo a subir aos móveis. Aprendem a dar os primeiros passinhos apoiando-se a móveis e paredes. No entanto, existem casos de bebes que não gatinham por falta de oportunidade. Por receio de que o bebe se suje ou apanhe alguma doença, os pais evitam que ele se arraste pelo chão. Nesses casos, a criança pode mesmo ficar com uma deficiência no desenvolvimento: demonstrar falta de equilíbrio ou ir frequentemente contra os móveis, por não conseguir calcular bem as distâncias.

Leia mais...

Os pais podem ser responsáveis por alguns medos?

Por que os bebes beliscam

A criança pode ficar ansiosa perante ameaças indevidas que os familiares fazem de abandoná-la, entregá-la ao papão e coisas do género se continuar malcriada. Talvez o pior seja dizer que vai deixar de gostar do filho caso ele não se comporte bem. Daí surge o medo de perder as pessoas queridas: a criança não tolera separar-se dos pais, nem mesmo à hora de dormir.

Leia mais...

Há limites (para o não)?

Por que os bebes beliscam

Muitas vezes, a criança acaba por dizer "não", mesmo para coisas que lhe interessam e situações que aprecia. Diz que não vai fazer determinada coisa e acaba por realizar aquela actividade com muito prazer. É até engraçado vê-la a responder "não" ao convite para tomar banho, ao mesmo tempo que se dirige, alegremente, para a banheira. Pode parecer que está a confundir o sentido da palavra. Mas não e nada disso: quando diz "não", está a tomar uma atitude de auto-afirmação, está a demarcar a sua posição.

Leia mais...

Quando é que a alimentação é semelhante à dos adultos?

No final do primeiro ano, o bebé tem uma alimentação muito próxima da do adulto. Mas isso deve acontecer aos poucos. Por volta dos sete meses, outros alimentos passam a fazer parte da ementa: ovo (primeiro a gema), derivados do leite (queijo, iogurte, requeijão), peixe, arroz, massas e doces (pudins, fruta em calda, gelatina). Por volta do 10° mês, o bebé começa a roer legumes.

Leia mais...

Como evitar o excesso de negativas?

É difícil fazer isso, porque dizer "não" é uma reacção quase automática dos pais quando percebem que o filho está a mexer com algo proibido ou perigoso. O primeiro passo nesse sentido é preparar o ambiente em redor, para evitar que essas situações se repitam. Por exemplo, retirar do seu alcance coisas que possam magoá-la ou em que não queremos que ela mexa. Se não fizermos isso, vamos acabar por dizer "não" a toda a hora, porque a criança pequena mexe mesmo em tudo e é muito difícil evitar isso.

Leia mais...

Que brinquedos são recomendados?

A maioria das crianças sente um interesse especial por caixas. Não se surpreenda se a caixa do brinquedo fizer mais sucesso que o próprio brinquedo. A partir dos seis meses, as crianças gostam de brincar com bolas, mexer na água, tirar e pôr objectos em caixas, fazer barulho (panela e colher de pau fazem um óptimo tambor), virar as páginas dos livros.

Leia mais...
Por que os bebes beliscam | Guia da Mãe | Informações sobre a gravidez e o seu bebé.