Mae nao resiste e da para o filho

Você está a ver coisas de bebé , coisas de bebé e/ou outros artigos e informações relacionadas com a sua pesquisa mae nao resiste e da para o filho. Encontre as melhores dicas para ajudar no desenvolvimento da sua gravidez e crescimento dos seus filhos.  

E se o dente incomodar muito?

Mae nao resiste e da para o filho

e="text-align: justify;">e="line-height: 1.714285714; font-size: 1rem;">O dente "mole" incomoda a criança na mastigação, que se torna imperfeita, e pode ainda ser um foco de infecção se ela levar a mão suja à boca com frequência para mexer no dente. Quando ela se queixa do desconforto e o dente resiste, é melhor conversar com toda a franqueza. Avisá-la de que o dente precisa de ser extraído, que isso vai doer um pouco e que talvez haja um pouco de sangue.

Leia mais...

Essa etapa é difícil?

Mae nao resiste e da para o filho

e="text-align: justify;">e="line-height: 1.714285714; font-size: 1rem;">Sim. Tanto para a criança, queos seus desejos frustrados, como para os pais, que nem sempre sabem como agir. Para complicar ainda mais, nãoo poucos os casais que têm o segundo filho quando o primeiro está na faixa dos dois anos. Então, de um momento para o outro, o pequeno seobrigado a dividir, não apenas os brinquedos, mas também o afecto dos pais. É uma situação difícil para ele. Por isso, os pais devem ter nesta fase, e principalmente se está prestes a chegar um irmãozinho, cuidados redobrados com a sensibilidade do filho.

Leia mais...

Sobre Nós

Mae nao resiste e da para o filho

e="text-align: justify;">O meu filho chora demais? Devo dar-lhe mais colo, ou menos?, A febre dele é passageira ou é um sinal de alguma doença mais séria? São inúmeras as as duvidas que as mães enfrentam no dia-dia ao cuidar do bebé. De um a três anos o alto ritmo das transformações físicas e do desenvolvimento da capacidade mental da criança é outra coisa que assusta aos pais, sem falar nos receios que os pais enfrentam quando a partir dos três anos o seu filho começa a exibir raciocino e iniciativa que você nunca imaginaria, perguntas intermináveis, com energia para tudo começa a perceber as diferenças e imitar o comportamento dos adultos que o rodeiam.

e="text-align: justify;">Para ajuda-lo a resolver este problema  e ajudar o seu filho a crescer de forma saudável criamos este site, assim poderá conhecer de perto e resolver os grandes desafios dos primeiros seis anos de vida do seu filho, proporcionando-lhe uma infância feliz.

Leia mais...

Como criar um bom relacionamento?

e="text-align: justify;">O importante é aceitar o bebé como ele é. Isso significa, também, aceitar o seu ritmo próprio, que pode ser muito diferente do que gostaríamos. Por exemplo: talvez eleo diga "mamã" aos 10 meses como o filho da vizinha, nem festeje o seu primeiro aniversário a andar pela sala, como o filho da sua cunhada. Mas que diferença é que isso faz? O importante é que a criança esteja a desenvolver-se normalmente e que os pais criem estímulos e oportunidades para que isso aconteça.

Leia mais...

Como evitar essa situação?

e="text-align: justify;">e="line-height: 1.714285714; font-size: 1rem;">De preferência, mesmo antes da gravidez, homem e mulher devem discutir as mudanças que a chegada de um filho ocasiona e devem preparar-se para serem pais. Para o homem, é importante saber que o amor dae pelo filhoo é retirado do amor que ela sente por ele.

e="text-align: justify;">E quanto mais ele participar da gravidez, do parto e dos cuidados com o bebé, mais prazer terá como pai e menos problemas agitarão o casamento.

e="text-align: justify;">Por sinal, quando ele ajuda a mulher a mudar as fraldas e a dar banhos e bibees, mais tempo sobra para o casal desfrutar a dois.

e="text-align: justify;">

    Leia mais...

E se ela se imagina um super-herói?

e="text-align: justify;">e="line-height: 1.714285714; font-size: 1rem;">Algumas crianças usam a imaginação para vencer as barreiras do tempo, do espaço e das suas forças reais. Então, transformam-se em super-heróis. A preocupação dos pais em relação à possibilidade de o filho tentar voar como o herói tem a sua razão de ser, por isso é bom proteger as janelas com grades. De resto, observe apenas se a criança passa horas nessa representação e toma todas as atitudes em nome dessa personagem. Ela pode estar a esconder-se por trás dela, talvez por falta de afecto, atenção, respeito, espaço, liberdade ou tempo para brincar. Talvez o inimigo, do ponto de vista do seu filho, seja tão poderoso que só um super-herói possa enfrentá-lo.

Leia mais...
Mae nao resiste e da para o filho | Guia da Mae