Pesquisou por: Filha vai dormi com pai e nao resiste

Você está a ver informação sobre crianças , coisas de bebé e/ou outros artigos e informações relacionadas com a sua pesquisa filha vai dormi com pai e nao resiste. Encontre as melhores dicas para ajudar no desenvolvimento da sua gravidez e crescimento dos seus filhos. fudeu a mãe quando o pai foi trabalhar, comeno a filha na fremte da mãe, pai comedo a filinha e sua mãe.  


E se ela não se convencer com a explicação das sementinhas?

Filha vai dormi com pai e nao resiste

e="text-align: justify;">e="line-height: 1.714285714; font-size: 1rem; color: #000000;">Quando uma criança insiste em obter uma resposta mais objectiva sobre um determinado assunto, provavelmente não está satisfeita com as informações que recebeu. Portanto, seja mais explícita. Talvez seja altura de dizer que o corpo humano prepara células especiais para fabricar outros seres humanos, que o pai e a mãe precisam de ter uma grande intimidade para poder fazer um bebé. A criança até pode ficar chocada se se der conta de que os pais estavam namorando porque isso é bom, e não porque faz bebés. Mas, muito provavelmente, mais tarde, ela vai chegar sozinha a essa conclusão. Responda, em cada momento, apenas às perguntas que ela formulou.

Leia mais...

E se o menino quiser brincar com bonecas?

Filha vai dormi com pai e nao resiste

e="text-align: justify;">e="line-height: 1.714285714; font-size: 1rem;">Não há razão para ficar horrorizada ou com quem medo de que fique "maricas". Se os meninos pequenos brincassem mais com bonecas talvez ficassem mais aptos a participar na vida familiar e nos cuidados com os filhos, no futuro. As meninas, por sua vez, brincando com bolas e com carrinhos, poderiam adquirir mais iniciativa para batalhar, mais tarde, por uma carreira profissional. Cuidar dos filhos e trabalhar não são tarefas femininas ou masculinas, mas tarefas de pessoas adultas. Quem sabe se, assim, os pais não estariam a dar a sua contribuição para uma sociedade mais igualitária?

e="text-align: justify;">

Leia mais...

E se a sua casa não tiver espaço?

Filha vai dormi com pai e nao resiste

e="text-align: justify;">e="line-height: 1.714285714; font-size: 1rem;">É muito difícil não caber na casa pelo menos um pequeno aquário, com um ou dois peixinhos. São mais fáceis de tratar, precisam apenas de água limpa e comida renovada regularmente não ocupam espaço, não fazem barulho, não criam problemas com os outros. Mas se não houver meios para ter um animal em casa, é preciso explicar bem as razões à criança. Conviver com negativas é um exercício necessário, também, para o seu crescimento.

Leia mais...

Há limites (para o não)?

e="text-align: justify;">e="line-height: 1.714285714; font-size: 1rem;">Muitas vezes, a criança acaba por dizer "não", mesmo para coisas que lhe interessam e situações que aprecia. Diz que não vai fazer determinada coisa e acaba por realizar aquela actividade com muito prazer. É até engraçado vê-la a responder "não" ao convite para tomar banho, ao mesmo tempo que se dirige, alegremente, para a banheira. Pode parecer que está a confundir o sentido da palavra. Mas não e nada disso: quando diz "não", está a tomar uma atitude de auto-afirmação, está a demarcar a sua posição.

Leia mais...

Como preparar a criança para conviver com o animal?

e="text-align: justify;">e="line-height: 1.714285714; font-size: 1rem;">Ela precisa de ser informada sobre os seus hábitos e costumes, aprender a lidar com ele. Os médicos recomendam também: não permitir que o animal durma na cama da criança; ensiná-la a não levar as mãos aos olhos ou à boca quando for lambida ou quando estiver a brincar com o animal; não ficar muito tempo com o animal ao colo, junto ao nariz ou à boca; não intervir em lutas de animais.

Leia mais...

Dizer “não” com muita frequência é prejudicial?

e="text-align: justify;">e="line-height: 1.714285714; font-size: 1rem;">Sim, por várias razões. Primeiro, porque, ao ser repetida demais, a palavra desgasta-se e perde a força de uma verdadeira proibição. Em segundo lugar, porque os "não" em excesso acabam por ser devolvidos pela criança nas ocasiões mais despropositadas. Depois, porque tantos "não" podem reprimi-la tirar-lhe a iniciativa, inibir as suas acções. E, deste modo, ela perde a oportunidade de explorar, descobrir e aprender mais coisas sobre o mundo.

Leia mais...
Filha vai dormi com pai e nao resiste | Guia da Mãe | Informações sobre a gravidez e o seu bebé.