Pesquisou por: Bebe pode andar de aranha

Você está a ver recém-nascidos , informação sobre crianças e/ou outros artigos e informações relacionadas com a sua pesquisa bebe pode andar de aranha. Encontre as melhores dicas para ajudar no desenvolvimento da sua gravidez e crescimento dos seus filhos. fudeu a mãe quando o pai foi trabalhar, comeno a filha na fremte da mãe, pai comedo a filinha e sua mãe.  


A criança pode andar sem ter gatinhado?

Bebe pode andar de aranha

Sim. Algumas não têm muita paciência para tentar coordenar braços e pernas e preferem começar logo a subir aos móveis. Aprendem a dar os primeiros passinhos apoiando-se a móveis e paredes. No entanto, existem casos de bebes que não gatinham por falta de oportunidade. Por receio de que o bebe se suje ou apanhe alguma doença, os pais evitam que ele se arraste pelo chão. Nesses casos, a criança pode mesmo ficar com uma deficiência no desenvolvimento: demonstrar falta de equilíbrio ou ir frequentemente contra os móveis, por não conseguir calcular bem as distâncias.

Leia mais...

O bebé pode ser preparado para a separação?

Bebe pode andar de aranha

Sim, através do jogo das "escondidas". Você esconde-se, deixa de existir, e ele para, assustado, a um passo do choro. Então, você reaparece e ele ri, excitado, eliminando a ansiedade causada pelo desaparecimento. A repetição do jogo acabará por habituá-lo à separação e ele depressa entenderá que as pessoas vão e voltam.

Leia mais...

A demora em andar tem causas físicas?

Bebe pode andar de aranha

Às vezes, sim. Alguns bebés nascem com um problema nas ancas, a chamada luxação congénita, que ocorre quando o osso da coxa não encaixa bem no da bacia. Isso pode ser constatado ao examinar o recém-nascido: uma das pernas pode ser mais curta e a anca mais saliente de um dos lados. A luxação da anca deve ser detectada e tratada o mais rapidamente possível. De contrário, a criança pode demorar a andar ou caminhar balançando-se, desajeitada.

Leia mais...

O que o bebé vê ao nascer?

Ele pode ver objectos localizados a cerca de 20 ou 30 centímetros, que é mais ou menos a distância a que o rosto da mãe fica dos olhos dele no momento da amamentação. O bebé pode seguir o rosto da mãe ou objectos, desde que os tenha focalizado, por breve minutos. Nem sempre ele consegue coordenar os dois olhos para focar imagens, daí a impressão, ás vezes, de que é estrábico. Se o problema persistir depois dos seis meses, convém consultar o médico.

Leia mais...

O animal pode ser uma boa compensação ou prémio?

É um erro dar um animal para compensar alguma perda que a criança tenha sofrido: a substituição não é perfeita e ela pode ficar com uma noção errada de valores. Pode mesmo relacionar-se com o animal de uma forma errada, vendo nela apenas um substituto daquilo que perdeu. Também não se deve dar à criança um animal em troca da promessa de alguma mudança de comportamento. A qualquer momento, ela pode achar que o sacrifício não vale a pena e passar a relacionar-se mal com o animal. O melhor é dar o animal à criança se ela tiver mostrado interesse em tê-lo.

Leia mais...

Como estimular o tacto do bebé?

Isso pode ser feito de diversas formas. Ao amamentar, mudar as fraldas, dar banho, sempre que possível, toque o bebé, fazendo-lhe carinhos. Massage o seu corpinho: as costas, a barriga, os ombros, as pernas e os braços. Deite a criança de costas, cruze-lhe os bracinhos e, suavemente, faça as mãos tocarem os ombros. Segure as perninhas um pouco abaixo dos joelhos e balance-as.

Leia mais...
Bebe pode andar de aranha | Guia da Mãe | Informações sobre a gravidez e o seu bebé.